Tenoch Huerta

Wakanda para Sempre mudou origem de Namor

Curiosidades

Grande vilão de Pantera Negra: Wakanda para Sempre (2022), Namor (Tenoch Huerta) finalmente fez a sua estreia no Universo Cinematográfico da Marvel após mais de uma década de espera. Considerado um dos principais personagens da editora nos quadrinhos, o herói era um dos poucos grandes que ainda não havia dado as caras no cinema ou no streaming.

Também conhecido como Príncipe Submarino, Namor foi criado pelo escritor e desenhista Bill Everett (1917-1973) e apareceu pela primeira vez nos HQs da Marvel em 1939, na edição Marvel Comics #1. Inicialmente, ele tinha sido imaginado por Everett para a Funnies Inc., um dos primeiros estúdios a produzir quadrinhos por demanda.

Em sua origem nas HQs, Namor é fruto do relacionamento do humano Leonard McKenzie com a princesa Fen, de Atlântida–nome dado ao reino subaquático comandado pelo personagem nos quadrinhos. Tal como sua contraparte em Wakanda para Sempre, o herói/vilão tem superforça, capacidade de voar e a habilidade de respirar embaixo d’água.

O fato de Namor ter surgido antes nas páginas da Funnies Inc. permite classificá-lo como o primeiro herói da Marvel. Em sua estreia na editora dos Vingadores, ele entrou em um combate mortal contra o Tocha Humana original, personagem que mais tarde seria integrado ao Quarteto Fantástico na “pele” de Johnny Storm.

De personalidade arrogante e temperamental, Namor flutua no limbo entre herói e vilão. Embora tenha feito parte de equipes como Vingadores e os X-Men, o Príncipe Submarino também já atuou como antagonista do Quarteto Fantástico e, claro, do Pantera Negra. Em um dos conflitos com T’Challa, o rei de Atlântida chegou a inundar Wakanda e causar a morte de vários habitantes do país africano.

Tenoch Huerta

Tenoch Huerta em Pantera Negra: Wakanda para Sempre

Reprodução/Marvel Studios

Diferenças entre filme e as HQs

Se nos quadrinhos Namor é o rei arrogante do reino de Atlântida, em Pantera Negra: Wakanda para Sempre ele surge não menos imponente. Interpretado pelo ator mexicano Tenoch Huerta, o Príncipe Submarino teve sua origem alterada para honrar suas raízes e injetar mais diversidade ao Universo Marvel.

Na sequência de Pantera Negra (2018), Namor governa o reino submerso de Talocan, e não de Atlântida. Em conversa com Shuri (Letitia Wright), ele explica que, quando o vibranium surgiu na Terra após a queda de um meteoro, grande parte do fundo do mar tornou-se rica no metal mais forte do planeta, assim como Wakanda. Desta forma, Talocan também é uma região com muita tecnologia e bem desenvolvida.

Séculos após a queda do meteorito, um povoado situado no México sofre com a invasão de colonizadores espanhóis. Ameaçada pela varíola, uma mulher nativa grávida vai ao fundo do mar para colher uma planta que nasceu em solo rico de vibranium. Quando ela e outros moradores bebem do suco gerado pela planta, eles sofrem mutações e ganham pele azul e a habilidade de respirar embaixo d’água, tornando-se os primeiros representantes de Talocan na Terra.

A criança que nasce após a mulher grávida dar à luz é Namor, o primeiro bebê surgido já com características subaquáticas. O efeito da planta lhe dá superpoderes, mas, diferentemente de seus companheiros, ele nasce sem a pele azul. No entanto, o futuro rei de Talocan tem orelhas pontiagudas e asas nos pés que lhe dão a capacidade de voar.

Namor

Namor nos quadrinhos

Reprodução/Marvel Comics

‘Rivalidade’ com Aquaman

Para muitos fãs da DC, Namor é considerado uma cópia de um dos principais integrantes da Liga da Justiça: Aquaman. Embora haja várias semelhanças entre os personagens, aqueles que veem o Príncipe Submarino como uma resposta da Marvel ao personagem da editora rival estão errados. Nos quadrinhos, foi Namor quem surgiu primeiro.

Como explicado acima, a primeira aparição de Namor foi em 1939, tanto na Funnies Inc. quanto na Marvel Comics. Já Aquaman, criado por Paul Norris (1914-2007) e Mort Weisingerfoi (1915-1978), foi introduzido em 1941, na edição 73 da revista More Fun Comics.

Nos quadrinhos da DC, Arthur Curry, alter ego de Aquaman, também é fruto de um relacionamento entre um humano e uma princesa de Atlântida. Diferentemente de Namor, o membro da Liga da Justiça não consegue voar, mas também tem superforça e a habilidade de se comunicar com criaturas marítimas.

As mudanças feitas na origem de Namor em Pantera Negra: Wakanda para Sempre também ajudam a distanciar o personagem de seu “rival” da DC. Em Aquaman (2018), o protagonista vivido por Jason Momoa é herdeiro do trono de Atlântida, enquanto o MCU trata de nomear o reino de Namor de Talocan para aproximá-lo de suas raízes latinas.



Source link

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *